Reflexões

QUEM DISSE QUE A VIDA TEM BOTÃO DE PAUSE?

A gente não vive só quando chega aquele dia de sair, viajar ou realizar alguma coisa que a gente queria muito. O dia “sem nada de mais” também está escrito nas páginas de nossa história. Acontece que tem parte de nossa história que a gente escreve de caneta e tem outras que vão de lápis mesmo.

Conversa sobre Storytelling e gamificação no Izabela Hendrix.

Poucas pessoas incluem o dia a dia da escola em seus relatos de vida, a não ser que sejam coisas engraçadas ou traumáticas. É como se a escola fosse só um instrumento de manutenção da informação e da “inteligência” mas que a história de nossas vidas fosse ser construída fora daqueles muros. “Escola é uma coisa, vida pessoal é outra”.

Nossos encontros com nossos estudantes também precisam ser história porque estão cravados no tempo desses meninos e meninas. Quem entra na sala de aula todos os dias para “ter aula” é uma história sendo escrita, e não uma página em branco.

Nesse nosso encontro falamos aos professores da Faculdade Izabela Hendrix. Nossa conversa foi sobre como construir essas histórias com técnica e humanidade.

É sempre poderoso ver educadores se reunindo para saber como fazer melhor e tentar espiar um pouco no futuro. É exatamente pra lá que estamos ajudando nossos estudantes a ir.

Resta saber se nossos pupilos vão escrever nossos momentos juntos com lápis ou caneta.

Obrigado pelo convite, @adm.silas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *